Farofa da Luci

Quando tive a ideia de iniciar meu blog, pensei que a primeira receita que postaria seria da “minha’ farofa, tão elogiada pelos meus amigos de churras. Mas não tinha uma receita escrita com detalhes mínimos. Sempre fiz no instinto, colocando minha porção generosa de bacon e azeitona preta e incrementando com vinho branco. Uma preguiça imensa de pensar nas medidas de cada coisa…Mas é vergonhoso, lá vai a bela farofa e uma foto “autêntica” dela no  Ano Novo maravilhoso em Brasília (31/12/2010) na casa da Maysa!

Farofa da Luci

3 xícaras de chá de farinha de milho (sem tempero)

200 gramas de azeitona preta

200 gramas de bacon picado

50 gramas de uva passa

150 ml (1/2 copo) de vinho branco

3 colheres de óleo de soja

Salsinha picada

1 cebola picada

Sal e pimenta a gosto

Opcionais: ovo cozido, milho verde, pimentão vermelho ou verde.

Preparo

Em uma panela bem larga, fritar o bacon e a cebola no óleo quente

Acrescentar em seguida a farinha de milho (Cuidado para não deixar a farinha queimar)

Ainda misturando tudo, acrescentar a azeitona preta picada (porção generosa)

Colocar o vinho e a uva passa.

Desligar o fogo e jogar a salsinha em cima.

Dicas: O preparo é bem rápido, deve-se tomar cuidado para não deixar nem muito seco e nem muito úmido com o vinho. Dose cada um dos ingredientes conforme a necessidade.

Anúncios

Cuscuz de linguiça

 Sabe aqueles cursos dados em algumas redes de supermercados pelas marcas Sadia, Nestlé etc?

Pronto, confesso aqui que cheguei a fazer um deles. No fim, foi uma delícia e uma das receitas que aprendi foi a do cuscuz com linguiça fininha.

De quebra, ganhei um brinde de sorteio, tenho até hoje o pano de prato da Sadia!

Rendimento: 12 porções

Ingredientes

4 colheres de sopa de margarina

1 cebola média picada

500 gramas de linguiça fininha cortada em rodelas (Sadia ou outra marca)

2 cenouras cortadas em rodelas

4 tomates sem pele e sem sementes cortados em cubos

1/2 vidro de palmito desfiado (150 gr)

2 xícaras de chá de ervilhas congeladas (200gr)

3 xícaras de chá de farinha de milho (240gr)

2 colheres de chá de sal

1 colher de café de molho de pimenta

6 ramos de salsa lavados e picados

4 talos de cebolinha verde lavados e picados

Preparo

1) Aqueça uma panela grande por 1 minuto em fogo alto, derreta a margarina e doure levemente a cebola.

Junte 1 1/2  da embalagem da linguiça e as cenouras e cozinhe por 5 minutos ainda em fogo alto até  as linguiças ficarem douradas.

2. Acrescente os tomates, o palmito e 4 xícaras de chá de água quente, tampe a panela e abaixe o fogo e cozinhe por mais de 10 minutos.

Misture as ervilhas, a farinha e tempere com sal e o molho de pimenta, mexendo até que fiquem bem incorporados.

3. Desligue o fogo e junte a salsa e a cebolinha. Unte uma forma de pudim marinex ou de teflon (25 cm de diâmetro) com óleo e despeje o cuscuz, apertando bem a superfície com o auxílio de uma espátula.

Deixe na geladeira por 1 hora para esfriar e desenforme sobre o prato de servir.

4. Enquanto o cuscuz resfria na geladeira, preaqueça uma frigideira grande e grossa por 1 minuto em fogo alto e doure as fatias de linguiça restantes dos dois lados. Coloque à volta do cuscuz desenformado e sirva em seguida.

Batatas de Delfinópolis

Há algumas viradas de anos atrás, eu, Dedé & Coronel Nascimento, Little Peter e Richard fomos convidados para passar um Reveillon lindo na casa das amigas da Dedé em Delfinópolis . Elas fizeram uns assados maravilhosos e essas batatas mágicas. A Serra da Canastra foi nossa melhor paisagem na ceia de Ano Novo.

Batatas assadas com alecrim e azeite

Ingredientes

1quilo de batatas (batatas grandes)

Azeite extra-virgem

Alecrim

Sal

Requeijão cremoso ou catupiry

Papel alumínio

Rendimento: 4 porções

Preparo

Cortar as batatas ao meio e cozinhá-las em água fervente por 15 minutos com um pouco de sal.

Retire-as da panela e tempere-as com azeite, sal e alecrim.

Em um refratário embrulhe-as em papel alumínio, o papel deve forrar por completo o fundo do refratário e depois cobrir inteiramente as batatas.

Deixar no forno em temperatura média por 20 minutos.

Abra o papel alumínio e faça pequenos cortes nas batatas para inserir um pouco de requeijão em cada uma delas.

Deixe assar com o papel alumínio aberto em cima  por mais 10 minutos e sirva bem quente.

Purê de mandioca Cris Berriel

Em todos os churrascos na casa de minha grande amiga Cris Berriel, ela prepara esta maravilha. Dá certo com mandioca, batata e até madioquinha. Perfeito para acompanhar a costelinha do Claude Troisgros!

Purê de mandioca ou batata

Ingredientes:

1 quilo de mandioca/batata boa para cozinhar

sal a gosto

1 copo de requeijão

1 lata de creme de leite

200 gramas de mussarela

Preparo

Coloque para cozinhar as batatas ou mandiocas  na pressão. Quando estiverem bem molinhas e ainda bem quentes, bata-as na batedeira (ou no liquidificador) com sal a gosto .

Para a mistura ficar mais mole, acrescente requeijão ou catupiry e 1 lata ou caixa pequena creme de leite.

Depois, derrame o purê em um pirex e cubra com fatias de mussarela; leve ao forno em banho-maria.